Cotidiano

Mais um final de semana de arte na Baixada Santista

Diversas companhias de teatro se apresentam na região; evento de cosplay também é destaque em Santos

10 MAR 2018 Por Da Reportagem 10h:00
Quem Ama Bloqueia mostra como o uso abusivo de redes sociais e smartphones podem afetar o relacionamento dos casais Quem Ama Bloqueia mostra como o uso abusivo de redes sociais e smartphones podem afetar o relacionamento dos casais / Divulgação

Boa parte das cidades da região está com a agenda cheia de arte para este final de semana. Isso porque diversas companhias de teatro se apresentam na Baixada Santista.

Escrita por Renato Bellamin, o espetáculo ‘Quem Ama Bloqueia’ mostra, de forma cômica, como o uso abusivo de redes sociais e smartphones podem afetar o relacionamento dos casais. A peça será apresentada neste sábado, às 21h, no Teatro Municipal Braz Cubas (2º piso do Centro de Cultura Patrícia Galvão – Av. Pinheiro Machado, 48, Vila Mathias).

A montagem tem no elenco os atores Renato Bellamin e Glaura Lacerda. A entrada custa R$ 40,00 (meia e antecipados) e R$ 80,00 (inteira). As vendas antecipadas ocorrem no Tescom (Av. Rodrigues Alves, no 195, Macuco), das 14h às 20h. Outras informações pelos telefones 3233-6060.

Já em Guarujá, a Praça dos Expedicionários (Pitangueiras) será palco de uma peça gratuita de teatro ao ar livre a partir das 20 horas hoje: “A Nau dos Desterrados”. A apresentação é um oferecimento da Prefeitura de Guarujá, através da Secretaria de Cultura; do Governo do Estado de São Paulo, por meio do Programa de Ação Cultural do Estado de São Paulo (ProacSP) e realização da Cia de 2, de São José dos Campos.

Na história, regada por muito rum, os atores Jean de Oliveira, Jonas di Paula e Renato Junior são três piratas que estão desterrados, a deriva em alto mar. Após muito tempo sem uma rota definida e lançados à própria sorte, eis que encontram um novo mundo, a terra de Cabral. Inseridos nas cenas de invasões e batalhas estão riffs de guitarras com grandes clássicos do rock.

A inspiração para a criação da história foi a invasão pirata do Rio de Janeiro em 1711, promovida pelo corsário francês René Duguay. Isso traz também ao local da apresentação, a exposição “Piratas e corsários em terras do Brasil (ou a invasão do Brasil)”, que mostra fotos e banners contendo parte da pesquisa feita para a realização da peça e reúne diversos materiais, com ilustrações, registros históricos e lendas.

No domingo a Cia. Teatral “Quem sabe faz a hora..” apresenta um clássico infantil às 17h.

Chapeuzinho Vermelho é um clássico dos contos de fadas que conta com muito humor a história de uma menina que ao não ouvir os conselhos da mãe corre perigo e vive aventuras incríveis na floresta fugindo do Lobo Mau.

A menina da capinha vermelha convida a todos para se encantarem com este conto onde ela e sua vovó correm um imenso perigo e onde mensagens importantes de amor, amizade, preservação da natureza e obediência aos pais são passadas de uma forma bela e leve!

O espetáculo tem a classificação livre e será apresentado no Teatro Municipal Procópio Ferreira em Guarujá. Os ingressos custam R$20,00 (Inteira) e R$10,00 (Meia), podendo ser adquiridos no próprio dia, na bilheteria do teatro, a partir das 14 horas. Informações: (13)99105-0610.

Evento de cosplay ocorre no sábado no Centro de Cultura Patrícia Galvão

Quem gosta do universo do cosplay e quadrinhos não pode perder o evento Cosfun#2, marcado para o sábado (10), às 12h, no Centro de Cultura Patrícia Galvão (Avenida Pinheiro Machado, 48, Vila Mathias). A entrada será gratuita.

Estão previstos painéis temáticos, discussões e palestra sobre a criação do cosplay desde o planejamento até a confecção.

Haverá, ainda, área exclusiva de batalha campal, estandes de venda e espaço para que todos os artistas da região possam expor e vender sua arte.Entre as atividades do palco, destaque para painel sobre preconceito, racismo e xenofobia no mundo do cosplay, concursos e desfiles, gincanas e campeonatos.

O evento é uma realização da Sora Produções, apoio da Secretaria de Cultura e @SantosGeek.

Risadas e samba enchem a agenda cultural de Guarujá

O comediante Rick Regis faz uma homenagem ao grande mestre do humor Zé Vasconcelos em seu show “Ele é o espetáculo”. Rick é o responsável por dar continuidade ao personagem Sá Silva, atualmente apresentado na “Escolinha do Gugu”, na Record TV. A apresentação é uma coletânea dos melhores momentos da carreira de Vasconcelos, sem baixaria e sem palavrão. O comediante promete, em instantes, levar o público ao riso. Ingressos: R$ 30,00 (inteira) e R$ 15,00 (meia). Hoje, às 20h no  Teatro Procópio Ferreira (Av. Dom Pedro I, 350 – Jardim Tejereba).

Às 17h tem o 9º Terreirão do Samba na Praça do Povo (Santa Rosa). A edição especial em homenagem ao Dia das Mulheres tem como tema “Terreirão pelo fim da violência contra mulher”. O encontro contará com convidadas especiais, entre artistas, pesquisadoras, compositoras e sambistas de diversos bairros.

Leia Santos homenageia o poeta Rui Ribeiro Couto na Praça Mauá

O projeto ‘Leia Santos – Um Incentivo à Leitura’ celebra a ‘Semana Rui Ribeiro Couto’ na próxima segunda-feira (12), na Praça Mauá, no Centro Histórico, das 10h às 14h. Nesta edição, o poeta será interpretado pelo servidor público José Roberto da Silva Vasconcelos, que distribuirá poemas escritos pelo homenageado. No mesmo local também será montado o ‘Varal de Poesia’, com obras do jornalista, poeta e romancista, além da realização das ações Adote um Livro, Adote um Gibi e Baú de Letrinhas.

Obra lúdica traz reflexão sobre o desenvolvimento social infantil

Inspirado nos moldes do jogo ‘Cara a Cara’, onde os participantes precisam adivinhar imagens por meio de perguntas respondidas pelo seu oponente, a intervenção artística ‘Creantia’, do fotógrafo do Diário do Litoral Rodrigo Montaldi, está em exposição no Espaço Vip da Galeria de Arte Braz Cubas (2o piso do Centro Patrícia Galvão).

A intervenção traz imagens de crianças em diversos ambientes e situações, que buscam incitar uma reflexão sobre o impacto do meio em que ela está ou vive no desenvolvimento infantil.

A obra é uma realização em conjunto da Widia Cultural e do Valongo Festival Internacional da Imagem e pode ser conferia até o próximo dia 30 segunda a sexta-feira, das 10h às 18h.

Deixe seu Comentário

Leia Também

©2018 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.
Plataforma