Cotidiano

Encenação: palco começa a ser montado em São Vicente

Mais de seis mil pessoas deverão assistir ao espetáculo por dia na Cidade

11 JAN 2019 Por Rafaella Martinez 08h:20
Arena terá uma estrutura em formato de U, que vai garantir visão completa por todos os ângulos Arena terá uma estrutura em formato de U, que vai garantir visão completa por todos os ângulos / Nair Bueno/DL

As areias do Gonzaguinha já começaram a receber a estrutura da 37ª edição da Encenação de Fundação da Vila de São Vicente. Neste ano o maior espetáculo de areia do Mundo – que acontecerá entre os dias 18 e 22 deste mês – terá uma estrutura em formato de U, que vai garantir visão completa do espetáculo em todos os ângulos.

A encenação deverá reunir mais de seis mil pessoas por dia - sendo cinco mil assistindo à apresentação e outras mil, entre grande elenco, equipe técnica especializada e mais de 700 artistas voluntários. A montagem do grande palco deve estar concluída até o final da semana.

Na plateia serão cinco mil lugares confortáveis. O sistema também permitirá que os artistas fiquem mais centrados no palco principal e no trecho de areia. Para eles também foi projetada uma área de circulação interna, que facilitará a locomoção durante as apresentações.

Já as pessoas com deficiência, principalmente cadeirantes, serão atendidas com a melhoria dos acessos à Arena. Outra novidade será o uso de imagens para a transmissão do espetáculo por meio de Libras.

Elenco

Nesta semana mais um nome de peso que se junta ao grande elenco da 37ª Encenação da Fundação da Vila de São Vicente. Trata-se do ator Marcos Frota, de 62 anos. O artista vai participar como Loucura, uma personagem atemporal que conduz a Encenação e conta a história da fundação da Primeira Cidade do Brasil. Paralelamente à atuação em novelas, há mais de 20 anos ele é dono de um circo e se apresenta como trapezista.

Além de Marcos Frota, no elenco principal da 37ª Encenação já estão confirmadas as atrizes Fernanda Pontes e Carol Nakamura. Fernanda dará vida a Ana Pimentel. Carol será a Índia Bartira. O evento marca o 487º aniversário de fundação.

A direção geral do espetáculo está a cargo das premiadas coreógrafas Geyssa Alencar e Sabrina Olímpio e também do ator e diretor teatral Lucas Magalhães. O espetáculo terá pouco mais de uma hora e promete encantar o público.

Deixe seu Comentário

Leia Também

©2019 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.
Plataforma